Workshop Arduino

Workshop de Introdução ao Arduino O Arduino é uma plataforma simples e prática e de open source,

Luís Antero

LUÍS ANTERO “Concerto para Olhos Vendados” (Imagem Creative Commons por poolski) “

DJ Ride!

DJ RIDE   Desde o reconhecimento no meio Hip Hop – quatro vezes campeão nacional de Scratch/

 

Workshop Arduino

January 1, 2012 in Workshops

Workshop de Introdução ao Arduino
O Arduino é uma plataforma simples e prática e de open source, que permite a criação de pequenos robôs e interações com objetos e ainda um vasto leque de aplicações onde a informação sensorial é explorada. Inicialmente foi desenhado para ser utilizado por artistas e designers mas o seu uso foi alargado a outras áreas profissionais, lúdicas e educacionais

 

O workshop tem como objetivos introduzir os primeiros conceitos básicos necessários tanto a nível de eletrónica como a nível de programação para que seja mais intuitivo o primeiro contacto com o arduino. Ao logo do workshop serão realizados exercícios de experimentação direta com o arduino através de sensores e atuadores. No fim o conjunto destes exercícios resultarão num único projeto.
Durante o workshop serão explicados os procedimentos para a prototipagem de ideias, como por exemplo ler os valores de sensores, como trabalhar com atuadores e comunicar com outro software (ex. Processing, Pure Data).
Necessidades

Este workshop tem como pré-requisito conhecimentos básicos de informática.

É necessário levar computador portátil para o workshop. No caso de não ter acesso a um computador portátil, entre em contacto connosco para averiguar a disponibilidade de empréstimo.

Detalhes:

Coordenador/Formador: Eng. João Gonçalves

Público: Geral, Criadores, Artistas (maiores de 18 anos)

Participantes: 10 (max)

Data: 05 Janeiro 2012

Horário: 14h00-18h00

Duração: 4 horas

Local: Cinema Sao Jorge

Inscrição: Gratuita

Luís Antero

December 20, 2011 in Concertos

LUÍS ANTERO “Concerto para Olhos Vendados”



(Imagem Creative Commons por poolski)


“Em Concerto para Olhos Vendados”, Luís Antero parte da premissa de que muitas vezes paramos para ver, mas raramente o fazemos para ouvir e constrói-se um concerto!

Nesta actuação no Cinema São Jorge, Antero desafia o  público a, literalmente, vendar os olhos, para assim “abrir” os ouvidos para os sons do quotidiano da Beira Serra…

Antero, O coleccionador de Sons

Podemos considerar os usos e costumes das gentes da Beira Serra, os seus saberes orais, as lendas de tempos imemoriais contadas pelas vozes da sabedoria popular, como produtos culturalmente endógenos?

A fauna e flora existente nas nossas serras, os rios, ribeiros e riachos que as enchem de vida cristalina, podem também ser considerados produtos culturalmente endógenos? Luís Antero acredita que sim. Em Outubro de 2008, inicia-se a documentação dos vários elementos ou cenários sonoros das zonas da Beira Serra e Serra da Estrela estavam a desaparecer (ou em vias disso acontecer), resolve meter “mãos à obra” e documentar esses elementos. Encontrando nas gravações sonoras de campo a forma ideal para essa documentação.

Assim, as suas gravações de campo, de pendor essencialmente rural, visam promover e ao mesmo tempo preservar a memória fonográfica colectiva destas zonas do país. Este é um trabalho sempre inacabado… A água dos rios, riachos, levadas, moinhos, rodas, albufeiras; a fauna e flora abundantes destas zonas; a gente local, trabalhadora e humilde; a lavoura e trabalhos agrícolas; o som dos utensílios utilizados no campo; os chocalhos e campainhas utilizados pelo gado; as “caravelas” dos campos de cultivo; a matança do porco; o fabrico artesanal de enchidos e de queijo; as ambiências sonoras peculiares dos moinhos de água e de rodízio (activos ou não); a música de cariz (raiz) popular e etnográfica; etc., etc.

Tudo isto faz parte de um legado cultural, natural, ambiental e etnográfico únicos, que urge registar, preservar, promover e divulgar.

 

DJ Ride!

December 20, 2011 in Concertos

DJ RIDE

 

Desde o reconhecimento no meio Hip Hop – quatro vezes campeão nacional de Scratch/Turntablism, e vice-campeão Mundial com Beatbombers – aos lançamentos em nome próprio (álbuns/EP’s e vinis), passando por colaborações com vários artistas, Dj Ride, com apenas 25 anos, é uma das figuras incontornáveis da música urbana portuguesa. A facilidade com que mistura diferentes estilos e linguagens fazem dele um dos DJ’s e produtores mais requisitados, seja na produção de musica electrónica, como musico ou nos circuitos de DJ nacionais e internacionais.

Pioneiro em varias áreas e dotado de uma imaginação invulgar, Dj Ride passou rapidamente de promessa a uma das certezas da musica nacional. A maturidade demonstrada nos suas criações levou-o a percorrer várias estéticas musicais, onde convivem de uma forma coerente o Jazz, a Pop, a Eléctrónica e até mesmo a Música Experimental. Já colaborou com nomes tão distintos como Legendary Tiger Man, André Fernandes, Micro Audio Waves, João Lucas, Rui Horta, Coldfinger, Kika Santos, Cool Hipnoise.

Semanalmente é responsável pela sonoplastia do programa de rádio Ginga Beat, da Red Bull Music Academy Radio @ Antena 3.

DISCOGRAFIA NETAUDIO

Dj Ride Beat Journey (OPTIMUS DISCOS 2009)

TURNTABLISM

2011 IDA Vice Campeão Mundial de Scratch / Turntablism (Beatbombers)
2008 DMC SUPREMACY CHAMPION
2007 ITF/IDA 3rd PLACE WORLD FINALS (SHOW C.)
2006 ITF NATIONAL CHAMP (SOLO)
2006 ITF NATIONAL CHAMP (SHOW C.)

Colaborações

Já actuou com Q-bert, A-trak, Craze, Plus One (scratch pervert’s), Kid Sister, Mr Oizo, Gilles Peterson e muitos outros.

NetAudio Lx @ Cinema São Jorge / 5-7 Janeiro 2012

December 17, 2011 in Informação

NETAUDIOLX 2012 ARRANCOU!

 

É já nos dias 5, 6 e 7 de Janeiro, no Cinema São Jorge, que se realiza o primeiro  Festival Netaudio em Lisboa. O NetaudioLx, que segue o mote da música livre,  distribuída gratuitamente através da internet, visa promover e divulgar a cultura livre. O  festival, aprovado no âmbito do Orçamento Participativo da Câmara Municipal de  Lisboa, tem entrada livre e gratuita nos três dias, com acesso a workshops,  debates, projecções cinematográficas e concertos.

O NetaudioLx pretende marcar uma posição institucional face à cultura livre,  desenvolvendo o diálogo aberto entre os vários intervenientes da cena musical. Numa  perspectiva de integração, o NetaudioLx procura, ainda, estabelecer a ponte entre o  universo netaudio nacional e internacional, interagindo com as comunidades  congéneres estabelecidas, seguindo o mote “Connecting the Dots”. Com uma programação diversificada, mergulhada em estilos musicais que vão do fado  ao hip-hop, o NetaudioLx conta com personalidades de peso na actual cena  musical/tecnológica como Marco Donnarumma ou DJ Ride, mas afirma-se  igualmente como um ponto de encontro de expectativas e gerações que ainda  estão a tentar descobrir o impacto da evolução tecnológica nos direitos de autor  e na distribuição musical.

NetAudio Lx @ Cinema São Jorge / 5-7 Janeiro 2012

Pitbull The Sexydog

April 5, 2011 in Concertos

Pitbull The Sexydog é mais um dos nomes que vem sob a alçada da Fresh Poulp Records. A sua música insere-se na estética da editora, balançando entre o hip-hop e o dub, o electro e o drum ‘n’ bass e outras influências que extravasam catalogações de estilos e outro tipo de rótulos. Com um novo álbum editado no último dia dos namorados, “Objectum Sexuality”, espera-se que a prestação de Pitbull The Sexydog no NetaudioLX traga muito amor na bagagem, e solte o amor dos lisboetas pela música livre.

Para mais informações consulta:

http://www.myspace.com/pitbullthesexydog

Headstart Records

April 4, 2011 in Concertos

A Headstart Records nasceu com o desejo de marcar a diferença no universo do hip-hop, demarcando-se de um mercado discográfico saturado. Apostando na qualidade, originalidade e profissionalismo dos seus artistas, a Headstart Records pretende ser um espaço dinâmico e de partilha, onde tanto MCs como DJs  podem mostrar o seu trabalho, fazendo com que ele chegue cada vez mais longe.
Com um catálogo de artistas que inclui: Criatura (http://www.myspace.com/cria2ra), Dj Ketzal (http://www.myspace.com/ketzaldj), Intakto, Presk, Vinil (http://soundcloud.com/vinil-headstart), W-Magic (http://www.myspace.com/wmagic) e Xksitu (http://www.myspace.com/xksitu), a Headstart Records tornou-se em pouco mais de um ano uma referência no hip-hop independente português, conseguindo destaques tanto na rádio, como na imprensa física e online.
Assim, a etiqueta aproveita o embalo do Festival Netaudio de Lisboa para dar o salto e tornar-se a primeira netlabel nacional dedicada ao hip-hop. Em formato showcase, Criatura, Vinil, Xkisitu, W-Magic e DJ Ketzal vão mostrar a razão de se terem tornado um dos pilares do estilo  em Portugal, em tão pouco tempo. O público agradece.

 

Headstart Records

 

D’Incise + Pedro Sousa

March 28, 2011 in Concertos

D’Incise, nascido em 1983, é membro do Audioactivity, colectivo musical e visual fundado em 2000 em Genebra (Suíça). Em 2002 começou a produzir diferentes tipos de música, do dub à electrónica. O seu mundo é feito a partir de fracturas de som, atmosferas melancólicas e um fascínio não-dissimulado para a oxidação e ritmos desvanecidos. Ver D’incise a tocar é observar duas mãos frenéticas a barafustar com  laptops, objectos bizarros amplificados por mics das mais variadas formas e feitio.

Além da improvisação, através do laptop, Dincise é uma das maiores figuras do mundo do Netaudio Improvisado e dirige a label insubordinations. Já esteve diversas vezes em Portugal, quer a solo quer com o seu duo Diatribes (com o baterista  Cyril Bondi, e sempre com convidados imprevistos).

Na cena internacional já tocou com nomes imponentes:  barry guy, keith row, jason kahn, tomas korber, christian weber, jacques demierre, norbert moslang, os portugueses ernesto rodrigues  abdul moimême, hernani faustino, joao pedro viegas! E é com um português que se apresentará no NetAudioLx: Pedro Sousa.


Pedro Sousa aka Alfredo Carajillo toca guitarra e saxofone (e muitas vezes tudo é condimentado com electrónica e processamento de sinal), é colabordor das figuras de proa da cena de improvisação e jazz Lisboeta: Ernesto Rodrigues, André Gonçalves, Nuno Moita, Gabriel Ferrandini, Travassos, entre (mesmo) muitos outros. É parte das formações  OTO (com dois trabalhos editados), pão, eitr, e muito mais (listen here).

Metastaz + VJ

March 28, 2011 in Concertos

Como activista que é, há oito anos, na cena dub de Lyon, Thomas Simoes aka METASTAZ, é uma combinação de inspirações étnicas e beats de perito, que quebram as barreiras entre os vários estilos musicais.

A sua música é o resultado, cativante, de uma mistura de sonoridades entre o dub electro world que funde com influências urbanas.

Três álbuns (ParisDubAct -[PDA]- & Libre comme l’air -[LCL], a criação de uma net label Tazart e as muitas colaborações feitas com artistas de Lyon e de fora (Famuj, Blu rum 13…), são a soma de centenas de noites sem dormir.

O seu mais recente trabalho, Orient Dub Express é como uma viagem de um continente para o outro, de São Paulo à Índia. E a história desta nova sonoridade é retratada através do hip-hop electrónico, embebido de guitarras e atmosferas cinematográficas.

Metastaz descreve-se entre a Electrónica, o Étnico e o Eclético. Será que se podia pedir mais?

Um concerto a não perder no NetaudioLx!

 

Live-Media e Pure Data (workshop por Marco Donnarumma)

March 28, 2011 in Workshops

LIVE MEDIA E PURE DATA
do brainstorming a um protótipo, em duas tardes!

Live-Media and FLOSS* – foco no Pure Data.

Este seminário consiste em três partes. Durante a introdução os participantes receberão um conhecimento básico de sobre Live Media, revendo exemplos seleccionados de trabalhos audiovisuais, de forma a explorar o potencial destes meios.
Na segunda parte inicia-se “processamento de áudio e vídeo em tempo real”, com ênfase nas ferramentas a usar e na sua aprendizagem. Lidando com as várias partes do processo: brainstorming, pré-produção, criação, etc…
Na última parte do workshop, os participantes organizar-se-ão em grupos. Realizando pequenos exercícios que lhes trarão conhecimento prático sobre as ferramentas. Finalmente haverá tempo para uma performance com os trabalhos dos alunos

Pré-requisitos (o que deves trazer)

  • o teu computador (portátil)
  • webcams, microfones, sensores, MIDI devices
  • podes instalar o Pure Data antes do workshop (video em como instalar em Mac, Windows, Linux).
  • não precisas de experiência prévia em Pure Data

Participantes: 15

Quando e quanto custa?

DIA 2 e 3 (6 e 7 de Janeiro) no Cinema São Jorge. Gratuito. Tal como tudo o resto que fazemos neste festival!

Como candidatar?

Envia um  email de motivação + bio + CV para netaudiolx (at) gmail.com

 

*Free/Libre Open Source Software

Motown Junkie

March 27, 2011 in Concertos

O que é a música nos dias que correm? Se não é uma versão corrigida de pedaços de música, ou a escrita de “bits”, bem que pode ser a escrita de bytes ou centímetros (de cassete) ou gramas (de vinil)… Motown é um daqueles artistas que vivem algures entre os samples. Samples maioritariamente coleccionados de fontes retro e vintage de arquivos cibernéticos ou registos feitos à mão partilhados em blogs refundidos pela internet que o artista desordena…

Motown Junkie a.k.a. Ed The Sampler é Edgar Matos, que vive muito perto da fronteira espanhola, em Elvas, cidade portuguesa localizada no interior do Alentejo. Fã de heavy metal rock, noise, goth, industrial e muitos outros estilos, Edgar, gosta, também, de samplar música electrónica e é um apaixonado pelo dark ambient.